Blog

Alimentação PoE: entenda o que é e como ela funciona
Segurança

Alimentação PoE: entenda o que é e como ela funciona

A qualidade de um profissional da segurança eletrônica está diretamente relacionada à confiabilidade técnica de seus serviços. Afinal de contas, os projetos dessa área servem justamente para a proteção dos seus clientes, sendo fundamental entregar uma instalação CFTV de excelência.

Por isso, elaboramos este post especial sobre o tema, explicando tudo o que é preciso saber sobre a alimentação PoE. Como você perceberá durante a leitura, trata-se de uma tecnologia crucial para a qualidade dos seus projetos. Vamos ao conteúdo!

A alimentação PoE

A melhor forma de entender um conceito técnico é examinando seu nome. No caso da alimentação PoE, essas letras abreviam a tecnologia Power over Ethernet. Ou seja, trata-se de um recurso que permite energizar um dispositivo diretamente por um cabo de rede, o famoso RJ45.

Logo aqui, já temos uma enorme vantagem em torno da tecnologia, pois simplifica o dilema de como organizar cabos no seu projeto. Com a alimentação PoE, o instalador pode otimizar a forma como posiciona e organiza os equipamentos, utilizando um mesmo cabo para exercer duas funções — a transmissão de imagens e energia.

No entanto, para utilizar esse recurso da maneira adequada, o instalador deve acoplar ao projeto um switch PoE. Como você já sabe, os switches são aparelhos centralizadores, que recebem informações de várias fontes para, então, canalizar esses dados aos outros dispositivos.

Algo semelhante acontece com os switches PoE. Basicamente, o que esse equipamento faz é identificar quais dispositivos conectados contam com essa tecnologia. Feito isso, ele passa a canalizar energia elétrica para os aparelhos compatíveis, garantindo sua alimentação e funcionamento.

O funcionamento dessa tecnologia

Num primeiro instante, pode parecer estranha a ideia de um cabo Ethernet transferindo energia, mas a realidade é que isso é possível por uma capacidade ociosa do próprio cabo — até porque, mesmo durante o tráfego de dados, com a transmissão das imagens, ainda existem fios desocupados na malha do cabeamento.

Nesse sentido, o que a tecnologia PoE faz é colocar os fios ociosos para trabalhar, canalizando energia elétrica suficiente para alimentar os dispositivos na ponta final. Dessa forma, o instalador consegue simplificar o projeto, tornando-o mais econômico e simples de manusear.

As classes de PoE

Em um todo, existem seis classes que segmentam o consumo energético de um dispositivo com essa tecnologia. Esses parâmetros são definidos pelas normas reguladoras IEEE 802.3af e IEEE 802.3at. O objetivo dessa supervisão é garantir a segurança operacional dos produtos. Agora, conheça as classes e suas distinções!

Classe 0

  • fornecimento de potência: entre 0,5 W e 15,4 W;
  • corrente de classificação: entre 0 mA e 4 mA.

Classe 1

  • fornecimento de potência: entre 0,5 W e 4 W;
  • corrente de classificação: entre 9 mA e 12 mA.

Classe 2

  • fornecimento de potência: entre 4 W e 7 W;
  • corrente de classificação: entre 17 mA e 20 mA.

Classe 3

  • fornecimento de potência: entre 7 W e 15,4 W;
  • corrente de classificação: entre 26 mA e 30 mA.

Classe 4

  • fornecimento de potência: entre 15,4 W e 30 W;
  • corrente de classificação: entre 34 mA e 44 mA.

High Power

  • fornecimento de potência: entre 30 W e 60 W;
  • corrente de classificação: 45 mA ou mais.

As vantagens da alimentação PoE

Então, chega o momento de falar dos benefícios dessa tecnologia tanto para quem instala como para quem usufrui do projeto. Dê uma olhada!

Economia

Por uma questão lógica, essa é a vantagem mais imediata de todas: quanto menor a quantidade de cabos, menor o orçamento do projeto. Por isso, essa é uma questão notada tanto pelo cliente como pelo instalador, que pode oferecer um serviço mais acessível e competitivo dentro do seu mercado.

Praticidade

Como você pôde ver, a tecnologia PoE possibilita a instalação de dispositivos em uma enorme variedade de situações e ambientes, sobretudo naqueles em que não seria possível realizar uma instalação elétrica. Por conta disso, a tecnologia oferece versatilidade, facilitando a instalação e aumentando as possibilidades do projeto.

Simplicidade

A tecnologia simplifica o projeto, reduzindo o número de cabos e otimizando os recursos disponíveis. Justamente por serem soluções viáveis e inteligentes na implementação de projetos smart home, os dispositivos PoE são cada vez mais procurados no mercado.

Conectividade

Por último, mas superimportante, está o suporte para conexão com dispositivos comuns, como nobreaks, fontes, switches, computadores, DVRs e afins. Afinal de contas, estamos falando do clássico cabo RJ45, uma das soluções mais tradicionais da eletrônica.

A tecnologia PoE+ e sua implementação no mercado

Pode ser que você tenha se deparado com a sigla PoE+ nos últimos meses. Pois bem, essa tecnologia cumpre a mesma função da sua variante original, ou seja, fornecer energia elétrica para a alimentação de um dispositivo por meio do cabo de rede.

O grande destaque dessa certificação é que ela está nos equipamentos que consomem uma maior quantidade de energia — dispositivos que compõem a Classe 4. 

Pode ser que você se pergunte quais são os equipamentos que equipam essa nova tecnologia. Bem, é nesse ponto que vale destacar que todos os produtos da Giga Security, como as soluções de portaria remota, utilizam a tecnologia PoE. O destaque especial vai para as câmeras — todas projetadas com a tecnologia PoE+, justamente para suportar a funcionalidade de pan, tilt e zoom.

Como sempre, você pode acessar o nosso portal e conferir todos os dispositivos e tecnologias que temos para o seu segmento. Hoje, contamos com um line up completo no universo da segurança eletrônica, com produtos voltados à proteção patrimonial, residencial e corporativa.

É por conta desses detalhes que concluímos que a alimentação com o RJ45 é uma das melhores soluções no mercado, pois, além de provocar uma economia considerável no projeto, ainda minimiza a quantidade de procedimentos que o profissional precisa realizar durante a instalação, como crimpar um cabo.

Você gostou deste post exclusivo sobre a tecnologia de alimentação PoE? Então, não perca a oportunidade de equipar os seus projetos com os dispositivos mais confiáveis, inteligentes e robustos do mercado nacional. Para tanto, entre em contato com o nosso time e adote a Giga Security nos seus projetos!

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *