Subscribe Now

Trending News

Por que inserir o controle de acesso stand alone em todos projetos?
Produtos

Por que inserir o controle de acesso stand alone em todos projetos?

Equipamentos de segurança eletrônica como câmeras, sistemas de vídeo e sensores já são bastante conhecidos pelo público geral. Porém, é possível desfrutar dos benefícios oferecidos por essas ferramentas e complementá-las com soluções discretas, mas igualmente eficientes. Neste post, conheceremos o controle de acesso stand alone.

Essa ferramenta é ideal para proteger pessoas e informações sigilosas. Isso é especialmente interessante para ambientes comerciais, já que os gestores podem restringir a entrada em determinados locais a pessoas autorizadas. Sem mais demora, apresentaremos melhor essa solução digital e seus benefícios. Confira!

Como funciona o controle de acesso stand alone

Um controle de acesso é qualquer sistema ou equipamento que limite a entrada em determinado ambiente somente a pessoas autorizadas. O principal objetivo é garantir a segurança da propriedade contra invasões, roubos, furtos e até mesmo o extravio de dados sigilosos.

O controle de acesso stand alone é bastante reconhecível, mesmo que você nunca tenha visto um deles de perto: em filmes, principalmente os norte-americanos, é comum que certos personagens digitem um código em uma máquina acoplado ao lado da porta para obter acesso a um ambiente.

O fator principal que os diferencia de outras opções está contido no próprio nome: stand alone, ou seja, a inteligência está no próprio equipamento. Explicamos: não há necessidade de interação com outro dispositivo, como um computador ou uma central de dados.

Outra característica importante dos sistemas stand alone é o seu custo-benefício. Nos Estados Unidos, país com grande tradição na segurança eletrônica, eles são uma opção bastante utilizada em diferentes ambientes: complexos esportivos, pequenos e grandes escritórios e galpões comerciais.

Versatilidade e escalabilidade

Sua versatilidade garante que esse controle de acesso seja aplicado em ambientes residenciais ou em lojas. Além disso, são fáceis de instalar, já que são acompanhados por guias rápidos e intuitivos para que até as pessoas com poucas noções de segurança eletrônica possam começar a utilizá-los.

Isso evita que elas precisem que contratar especialistas em segurança para realizar essa operação, gerando mais gastos. Um controle stand alone fornece uma variedade de opções de acesso, como tokens, chaveiros (similares àqueles utilizados em carros), cartões e códigos, facilitando o gerenciamento e a utilização. Discretos, se se encaixam em vários layouts de arquitetura.

Por fim, podemos afirmar que essa ferramenta oferece uma solução escalável. Mesmo que você comece com apenas um, você pode obter novas unidades à medida que sua empresa cresce ou suas necessidades de segurança se tornem mais complexas.

5 benefícios do controle de acesso stand alone

Agora que já conhecemos as características gerais, apresentaremos os benefícios mais significativos dessa solução.

1. Padronizar a forma de acesso aos locais da empresa

Instalar diferentes meios de acesso para setores diversos da empresa é complicado, principalmente para organizações de médio e grande porte. O controle stand alone padroniza as formas de admissão em diferentes ambientes da propriedade.

Além disso, como o sistema proporciona a leitura por biometria, somente o visitante autorizado conseguirá o acesso ao local. Isso porque o uso de senhas é possível, mas as melhores opções do mercado utilizam diversos meios de leitura.

2. Manter a segurança da empresa

Sistemas robustos de vigilâncias com várias câmeras são importantes, mas há a possibilidade de que os responsáveis só consigam visualizar um furto após os criminosos já terem deixado o local. Assim, é importante que um circuito fechado de televisão opere em parceria com outras ferramentas.

O stand alone é o instrumento ideal para reforçar a vigilância do seu negócio. Tomemos o exemplo do furto: e se o criminoso não tivesse qualquer forma de acesso ao local onde ocorreu o incidente? Suas mercadorias estão, portanto, mais protegidas com a utilização desse instrumento.

3. Garantir o sigilo das informações

Algumas empresas contam com ambientes especiais para o armazenamento de documentação importante. Companhias de grande porte mantêm data centers na propriedade, para resguardar os seus dados e monitorá-los de perto.

Com o stand alone, é possível garantir que essas instalações se mantenham protegidas de pessoas não autorizadas. Os gestores podem garantir que apenas alguns indivíduos conheçam a combinação ou tenham as digitais cadastradas para entrar ali.

4. Promover o bem-estar das pessoas

Seus colaboradores se sentirão mais seguros ao notarem que a empresa investe em segurança de ponta para proteger tanto esses profissionais como as informações valiosas do negócio. Essa motivação extra garante um respeito mútuo entre os trabalhadores de diferentes setores e gera um maior nível de produtividade por parte de cada um deles.

Essas vantagens também são sentidas em propriedades residenciais. Pessoas que trabalham em casa podem isolar certos cômodos de crianças pequenas, animais e de indivíduos mal-intencionados.

5. Manter integridade dos bens

O controle stand alone protege efetivamente os ativos físicos de uma organização, mas sem deixar de lado o acesso rápido por parte dos colaboradores autorizados. Os gestores, ao delegar a entrada em determinados ambientes apenas a trabalhadores que realmente precisem estar ali, podem contar com o instrumento para manter a sua infraestrutura protegida.

Qual é a melhor opção do mercado?

A Giga Security tem uma linha completa de controles de acesso, oferecendo equipamentos exclusivos destinados a prover segurança e facilidade tanto na utilização como manutenção. A controladora GSTOUCH, por exemplo, é uma peça ideal para ambientes corporativos e residenciais.

A solução digital da Giga Security armazena até 300 impressões digitais diferentes e o mesmo número de combinações numéricas. Além disso, é um ótimo controle de acesso para aqueles que não confiam em meras senhas. Isso porque ele também oferece a opção de leitura biométrica.

Nesse caso, o modelo trabalha com a captura otimizada de impressões digitais por meio de um leitor óptico, que o compara ao banco geral de dados da própria memória interna. Essa funcionalidade ainda oferece recursos antifraude, o que inviabiliza a utilização de réplicas de silicone, por exemplo, um método recorrente usado por criminosos.

Fácil de instalar e de começar a usar, a controladora ainda utiliza uma case plástica de alta resistência, o que confere um maior nível de durabilidade ao equipamento. Todo esse reforço físico não atrapalha o design, que é bem moderno.

Como podemos ver, o stand alone é uma opção realmente versátil, podendo ser aplicada em propriedades privadas de todo tipo. Percebendo o potencial dessa tecnologia e a carência de bons produtos no mercado, a Giga Security desenvolveu uma ferramenta de alto nível para incrementar a segurança do seu negócio.

Gostou do artigo e quer conhecer melhor essa ferramenta? Então, aproveite para ler mais sobre as suas características e tirar suas dúvidas!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *