Subscribe Now

Trending News

Diferencial competitivo: 4 passos para sair na frente no mercado
Vendas

Diferencial competitivo: 4 passos para sair na frente no mercado

Muitos líderes empresariais ainda não sabem exatamente o que caracteriza um diferencial competitivo. Consequentemente, restam inúmeras dúvidas acerca da melhor forma de desenvolvê-lo em seus negócios e atingir uma posição superior em seus respectivos segmentos de atuação. Nesse contexto, é imprescindível conhecer bem a concorrência e também os desejos e necessidades do seu público alvo, além das possibilidades de proporcionar soluções de destaque à sua base de clientes.

Para atingir uma posição sustentável, as organizações tendem a adotar estratégias competitivas que as permitam se destacar no mercado, utilizando os preços, a qualidade, a assistência técnica, a dinâmica de entrega ou distribuição, entre outros elementos. Pensando nisso, abordaremos, ao longo deste artigo, o conceito de diferencial competitivo, a sua importância nos atuais ambientes de negócio e os passos essenciais para sua criação. Boa leitura!

O conceito de diferencial competitivo

O conceito de diferencial competitivo se refere à articulação de características que fazem com que uma empresa se destaque entre as suas concorrentes, realçando suas ofertas perante os consumidores. Trata-se, portanto, da principal razão pela qual as pessoas escolhem determinadas ofertas em detrimento de outras.

Todavia, os diferenciais são validos apenas quando os consumidores notam esse valor. Desse modo, além de elaborar os seus fatores de diferenciação, as empresas devem elaborar planos de comunicação claros e objetivos para atrair mais clientes.

A importância de criar um diferencial competitivo

As empresas que conseguem efetivamente se diferenciarem acabam ampliando sua participação no mercado e obtêm maior prestígio junto ao público em geral. Se todas atuassem do mesmo modo, entregando produtos de qualidade similar, no mesmo tempo e com a mesma credibilidade junto aos consumidores, não existiriam motivos para os clientes escolherem um produto em vez de outro.

Nessa situação, contudo, as empresas cativariam os clientes e se sobressairiam nas vendas caso ofertassem, por exemplo, um bom atendimento. Assim, tenha em mente que a consolidação do diferencial competitivo funciona, também, como uma ótima ferramenta de marketing, à medida que as pessoas comentam as ações das empresas que se destacam em determinados aspectos, como o trabalho pós-venda ou a facilidade de realizar a compra.

É a partir de detalhes como esses que surge a propaganda boca-a-boca, provendo seu negócio no mundo virtual, sobretudo, em uma época na qual as redes sociais estimulam todos a compartilharem avidamente cada uma de suas experiências. Dito de outra forma, para criar um diferencial, não é necessário ter um produto superior ou serviços de alta qualidade. É preciso, antes, buscar um diferencial que os clientes considerem realmente importante e comunique um valor (tangível ou intangível), estabelecendo um vínculo identitário entre o comprador e a sua marca.

Os passos essenciais para criar um diferencial competitivo

Conforme mencionado, apresentar uma característica diferente ou única em relação à concorrência não basta: é indispensável que ela seja relevante para os clientes e desperte o desejo e o interesse do seu público-alvo. Embora os métodos mais adequados para sair na frente no mercado dependa, em grande medida, das especificidades de sua empresa e dos aspectos gerais do seu segmento de atuação, as dicas que separamos para você são universalmente válidas e muito eficazes. Confira:

1. Conheça a sua empresa, clientes e concorrência

É fundamental que você conheça a fundo o mercado em que atua para desenvolver um diferencial para o seu negócio. Dessa forma, é muito importante se manter atento quanto às iniciativas que vêm sendo implementadas pelos concorrentes: novas promoções, serviços, produtos e possíveis cópias.

2. Aposte na inovação

A inovação, enquanto um dos fatores mais relevantes para a criação de um diferencial competitivo, envolve tanto a geração de valor para o seu público quanto a melhoria permanente desse serviço e/ou produto. Sendo assim, você deve se esforçar para promover a cultura de inovação em sua empresa, engajando os colaboradores a desenvolverem novos serviços, ofertas e tecnologias, abrindo espaço às suas sugestões.

3. Divulgue o seu diferencial

Quando sua marca adquirir um diferencial competitivo, ele deverá ser divulgado maciçamente. Quando isso não ocorre, eles se tornam desconhecidos dos consumidores. Portanto, o mais indicado é associá-lo à identidade da marca, fazendo dele o seu “carro-chefe”, a fim de que, entre tantos outros produtos e/ou serviços parecidos, o seu diferencial seja prontamente reconhecido pelos consumidores como algo único em seu mercado.

Afinal, não é por acaso que as maiores e mais bem-sucedidas empresas do mundo usam seus diferenciais em campanhas de divulgação, criando uma associação entre o consumidor e a marca. Um bom exemplo disso pode ser encontrado nos chinelos Havaianas que, incorporaram a expressão “as legítimas” como slogan em suas campanhas de marketing. Assim, a empresa conseguiu evidenciar seu diferencial competitivo, pelo fato de sua marca ser a pioneira na fabricação de sandálias, despertando empatia e confiança no mercado consumidor.

4. Invista no relacionamento com o cliente

Além dos diferenciais relativos ao serviço/produto, é necessário que o relacionamento com os seus clientes também seja aprimorado. Tal estratégia terá maiores chances de sucesso se estiver totalmente endereçada em oferecer soluções para as necessidades dos consumidores.

Uma das formas de implementar essas ações é por meio da internet. A sua organização poderá criar conteúdos específicos (que não precisam ser voltados diretamente ao seu serviço ou produto) para captar novos clientes. Os conteúdos oferecidos devem fornecer informações relevantes e agregar valor aos leitores. Alguém que, por exemplo, deseja instalar câmeras de segurança em sua residência, pode se interessar pelos novos equipamentos que vêm sendo lançados, a resolução das câmeras, o funcionamento de alarmes etc.

Para fornecer as informações mais adequadas para os seus futuros clientes, a análise de dados (Data Analytics) é um dos melhores recursos existentes. Com ela, você pode obter dados sobre os clientes e analisar informações dos seus concorrentes. A Target, uma grande rede estadunidense de supermercados, foi uma das organizações que melhor utilizou essa ferramenta. Depois de passar muitos anos coletando dados relativos ao comportamento de compra das mulheres grávidas, a empresa pôde prever as necessidades desse segmento, traçando estratégias que incluíam o envio de cupons de desconto para as suas residências.

Cumpre ressaltar, por fim, que, embora o diferencial competitivo seja algo que faz com que sua empresa seja altamente valorizada pelos clientes, conquistar esse objetivo demanda tempo, paciência, estudo e, sobretudo, muito planejamento. Devido às imensas vantagens que ele pode gerar para o negócio, todo esse esforço valerá a pena!

Gostou do nosso artigo? Então, siga-nos nas redes sociais e não perca os melhores conteúdos e as novidades do mercado de segurança. Estamos no Facebook e YouTube!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *