Subscribe Now

Trending News

4 erros que você deve evitar na hora de instalar câmeras wi-fi
Produtos

4 erros que você deve evitar na hora de instalar câmeras wi-fi

Seja qual for o perfil da sua clientela, residencial ou empresarial, todos podem se beneficiar de soluções wireless em seus projetos de segurança. Isso acontece porque a ausência de fios entrega versatilidade ao monitoramento, reduzindo inclusive, alguns custos inerentes à manutenção de cabos. Com isso em mente, elaboramos este artigo para descrever um dilema comum no segmento: como instalar câmeras wi-fi!

Apesar de serem de fácil instalação, vale lembrar que muitos profissionais pecam em alguns aspectos desse procedimento, resultando em um projeto de segurança desastroso ou pouco eficiente. Com esta leitura, você poderá se distanciar desse grupo, reforçando a qualidade dos seus serviços. Agora, acompanhe!

A importância de câmeras wireless nos projetos de segurança eletrônica

Não há como negar as qualidades das câmeras wi-fi! Afinal de contas, estamos falando de dispositivos pequenos, discretos, eficientes e, sobretudo, acessíveis à ampla maioria do público consumidor. Com o passar dos anos, essas câmeras têm conquistado o setor civil da população, que enxerga nesses aparelhos a ferramenta perfeita para monitorar os perímetros de sua casa.

O mesmo vale para os ambientes de menor periculosidade, como escolas e estabelecimentos em shoppings. Para além desses exemplos, é importante perceber a versatilidade no monitoramento dessas ferramentas, que geralmente oferecem uma plataforma ou aplicativo, que permitem a exibição das imagens em tempo real de qualquer dispositivo com acesso à internet.

Já em um segundo momento, devemos destacar o fator preço, responsável inclusive, por atrair grande parte dos consumidores que são Pessoa Física. Estes não enxergam necessidade em investir em um sistema de CFTV que, apesar de mais completo é proporcionalmente mais caro. Sendo assim, as câmeras wi-fi são produtos pontuais e fáceis de usar, tornando-se uma opção acessível e amigável para todos no mercado nacional.

Os principais cuidados no momento de instalar câmeras wi-fi

Então, você apresenta um projeto de segurança eletrônica para o seu cliente que, satisfeito, solicita a instalação. É nesse momento que você deve arregaçar as mangas e elaborar um planejamento consciente, discutindo os quatro principais fatores para o sucesso desse projeto:

  1. o posicionamento das câmeras;
  2. a segurança dos dispositivos;
  3. a acessibilidade remota;
  4. a quantidade ideal.

Aqui é importante perceber que ao negligenciar qualquer um desses critérios você estará prejudicando o projeto, seja por meio de vulnerabilidades (poucas câmeras e/ou mal posicionadas) ou inconveniências, como a dificuldade em reivindicar a senha ou o acesso remoto. Sendo assim, acompanhe as orientações abaixo para garantir a entrega de um serviço à altura da sua competência. Veja!

1. Posicionamento

Tal como na cinematografia, o posicionamento das câmeras vale ouro! Você, como perito nesses equipamentos, precisa ter uma atenção minuciosa com esse detalhe, garantindo que a câmera esteja situada em uma posição que ofereça boas especificações de ângulo, altura e exposição, conseguindo assim, proporcionar o melhor campo de visão por câmera instalada.

Como exemplo, veja algumas dicas fundamentais nesse quesito:

  • priorize as posições mais altas, no encontro de duas paredes, ampliando o campo monitorado pela lente;
  • apesar disso, não direcione a câmera diretamente ao chão, mas sim, em um meio termo entre o ponto mais distante do ambiente e o imediatamente abaixo do dispositivo;
  • evite direcionar a câmera para fontes de luz, já que isso prejudicará a captação das imagens tão logo o sensor absorver a luminosidade.

Por último e mais importante: a recepção de sinal! Tratando-se de câmeras wi-fi, torna-se óbvia a necessidade desses dispositivos de um bom sinal wireless. Sendo assim, observe se a posição escolhida tem uma comunicação forte com o roteador mais próximo. Caso não, você pode sugerir a instalação de repetidores de sinal. Esses dispositivos são relativamente baratos e oferecem uma solução funcional para evitar que você abandone o melhor posicionamento possível.

2. Segurança

Toda solução de segurança eletrônica conta com algum método de autenticação, seja para configurar os dispositivos ou acessar seus serviços. Mas aqui, é importante lembrar que o portador desse passe será o seu cliente, que a depender de seu nível de organização e ocupação, poderá esquecer dessas senhas.

Sendo assim, incentive que o cliente escolha duas ou mais senhas para o acesso aos serviços das câmeras, garantindo que ele não “fique a ver navios” no momento em que mais precisar. Para além disso, também é fundamental substituir as senhas pré-definidas que, não raramente, são padronizadas, previsíveis e vulneráveis a qualquer ação mal-intencionada.

3. Acessibilidade

Se o cliente chega até você com a intenção de instalar câmeras wi-fi, esteja certo de que ele está procurando pela maior funcionalidade desse dispositivo: o acesso remoto! Então, logo a um primeiro momento você deve identificar esse desejo do seu cliente e orientá-lo em direção aos produtos que ofereçam essa praticidade.

Pensando nisso, você pode apresentar soluções que permitam o monitoramento por meio de navegador Web, como o Chrome, Safari ou Edge. Para além desses exemplos, já existem câmeras wi-fi que permitem o acesso diretamente por um aplicativo, entregando a maior de todas as comodidades ao cliente, que poderá monitorar sua casa, escritório ou afins diretamente de seu smartphone.

4. Quantidade

Por último e não menos importante: a quantidade desses equipamentos! Esse critério é, inclusive, um apêndice do fator posicionamento, pois perceba que quanto melhor o posicionamento das câmeras, menor será a necessidade de um grande número delas. Mas para todos os efeitos, o seu projeto não deve pecar pela falta de equipamentos — a menos que essa seja uma restrição financeira.

Sobretudo, vale lembrar de um curioso estudo realizado pela University of North Carolina, que apontou alguns insights importantes sobre a percepção criminal em relação aos fatores que dificultam e impedem um ato:

  • a proximidade com outras pessoas, no formato de pedestres, vizinhos, policiais e circulação de veículos;
  • a falta de rotas de fuga;
  • a presença de soluções de segurança, como alarmes, câmeras externas, cães, grades e afins;
  • cerca de 60% dos transgressores indicaram que os indícios de equipamentos de vigilância e segurança eletrônica os faziam procurar alternativas menos monitoradas (página 4).

Assim, concluímos mais este conteúdo sobre segurança patrimonial, esclarecendo a importância desses dispositivos na realidade urbana, tanto residencial como corporativa. No fim das contas, a segurança do cliente também depende de você, que deverá ser criativo e competente nos projetos que apresenta.

Gostou deste post sobre como instalar câmeras wi-fi? Então aproveite para compartilhar este artigo no seu círculo de amizades pelas redes sociais, contribuindo com a capacitação e proteção dos seus colegas.

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *