Subscribe Now

Trending News

Por que o seu condomínio precisa de um controle de acesso rigoroso?
Produtos

Por que o seu condomínio precisa de um controle de acesso rigoroso?

Controle de acesso é um recurso cada vez mais necessário em condomínios. Afinal, esses locais são bastante visados pelos criminosos por causa do grande fluxo de pessoas que circulam todos os dias pelas suas dependências. Esse fato leva muitos meliantes a tentarem se infiltrar entre os moradores e frequentadores do local.

A entrada de pessoas e veículos, portanto, deve ser rigorosamente controlada. E o uso de inovações tecnológicas, aliado a algumas atitudes por parte dos moradores, potencializa a segurança pessoal e patrimonial dos condôminos.

Quer saber por que o seu condomínio precisa de um controle de acesso rigoroso e eficiente? Continue lendo e confira as informações que separamos especialmente para você!

O que é controle de acesso?

Definindo em termos técnicos, controle de acesso é o uso de uma metodologia para controlar todos os pontos de entrada de um determinado lugar. Esse procedimento visa uma análise prévia para a permissão ou a negação de acesso ao local, seja por pedestres ou veículos.

Quais são os riscos de descuidar do controle de acesso?

A resistência de moradores em seguir as regras de acesso ou a negligência dos funcionários da portaria e de outros setores pode colocar a segurança de todos em risco. Isso porque muitos criminosos analisam os locais em que querem atuar e aproveitam as falhas na segurança para agirem.

Com a falta de controle de acesso, existe ainda a possibilidade de prestadores de serviços terem trânsito livre, o que pode perturbar os moradores com barulhos em horários impróprios. Além disso, pode acontecer de visitantes estacionarem em vagas de condôminos, causando atrito e desconforto entre vizinhos.

Em um condomínio em que o controle de acesso é ineficiente os moradores podem ser vítimas de assaltos, arrombamentos e até arrastões. Sem contar que, cientes dessas falhas, eles logo ficam preocupados ao tomarem conhecimento de alguma ocorrência de violência na região em que moram.

Em ambientes em que o acesso não é devidamente monitorado, as pessoas costumam se sobressaltar quando deparam com visitantes desconhecidos dentro do condomínio. Isso aumenta a sensação de insegurança e tira a tranquilidade das famílias.

Como otimizar o controle de acesso em condomínios?

Primeiramente, é preciso haver conscientização dos moradores e funcionários sobre a necessidade de seguir de forma correta os procedimentos de segurança adotados pelo condomínio.

Atualmente, entretanto, além dessa conscientização é preciso buscar soluções tecnológicas eficientes para registrar e controlar a entrada de pessoas e veículos nas dependências do prédio. Estamos falando dos dispositivos de controle de acesso.

Quais tecnologias de controle de acesso meu condomínio pode ter?

Os softwares que possibilitam o cadastramento de moradores, funcionários e prestadores de serviços são uma boa opção para atender essa demanda. Essas ferramentas são usadas até para controlar o tempo em que entregadores devem permanecem no local.

Existem, ainda, outras soluções acessíveis e que usam tecnologia de ponta para incrementar o controle da entrada nos condomínios. Dessa forma, é possível oferecer tranquilidade à vida de todos. Conheça alguns exemplos abaixo:

Acesso remoto

Esse sistema aumenta a segurança ao minimizar as falhas humanas, como o descuido do porteiro. Com isso, é possível gerenciar a movimentação e o acesso aos mais variados locais por meio de câmeras de monitoramento. E o melhor: a vigilância é feita 24 horas por dia e de maneira online por uma empresa especializada.

A entrada dos moradores pode ser autorizada utilizando vários recursos, como biometria, radiofrequência ou outros dispositivos próprios. Esse sistema de portaria é eficiente e seguro, mesmo em casos de falta de energia — geradores são acionados para garantir o serviço nessas situações.

Videoporteiro

Indo além do que é feito pelo interfone, essa tecnologia também permite visualizar quem se encontra do lado de fora do condomínio e liberar a entrada sem precisar ir até o portão.

Assim, o videoporteiro permite identificar o visitante e verificar se ele está sozinho ou acompanhado. Uma boa prática é conferir pela câmera a identificação dos prestadores de serviços e entregadores antes de liberar a entrada.

Sensores de presença

Sensores de presença são equipamentos usados em sistemas de segurança de diversos ambientes, e são programados para detectarem movimentos ou mudanças de temperatura.

O modelo que funciona com emissor de micro-ondas detecta movimentos e aciona um alarme, chamando a atenção para algum evento suspeito. Já o sensor infravermelho é programado para perceber o calor semelhante à temperadora do corpo humano. E, quando uma pessoa entra no ambiente, ocorre a mudança na luz infravermelha, disparando o alarme.

Biometria

O reconhecimento biométrico pode ser facial ou por impressão digital e garante total controle de quem acessa as suas dependências, uma vez que não pode ser transferido de uma pessoa para outra.

Controle de acesso por senha

É isso mesmo que o nome sugere. Cada morador ou usuário do condomínio recebe uma senha pessoal para acessar o local. O acesso por senha elimina a necessidade de uso de diferentes chaves para várias áreas do condomínio e acaba com aquele problema de quando um morador perde a chave e todo o prédio passa a se sentir inseguro.

Identificação por radiofrequência

Os sistemas de identificação por radiofrequência (RFID) estão presentes em várias aplicações, como nos bilhetes de transporte público que são lidos pelas máquinas. A tecnologia se baseia na comunicação de curta distância entre uma etiqueta e um receptor.

Quando aplicado ao controle de acesso, o sistema de RFID permite controlar o acesso em cada ponto do condomínio. Geralmente, esse controle é feito utilizando um cartão que, quando aproximado do leitor, libera o acesso.

Esse cartão pode ser configurado para dar acesso a áreas específicas do condomínio e ainda registrar quem passou por cada portaria. Ou seja, ele é bem prático para controlar a circulação de prestadores de serviço dentro do condomínio.

Enfim, os sistemas de controle de acesso podem ser instalados em diversas estruturas externas e internas, e certamente existe uma solução adequada para o seu condomínio. Os dispositivos podem ser integrados com outras tecnologias, como circuitos fechados de TV, câmeras e alarmes, proporcionando total tranquilidade para todos os moradores.

Agora que você já sabe por que o seu condomínio deve adotar um controle de acesso eficaz, incentive a implementação desse benefício no local em que você mora. Afinal, você e a sua família merecem viver em um lugar seguro sem a preocupação com episódios de violência que podem gerar prejuízos financeiros e emocionais.

Vale ressaltar o quanto é importante a parceria de uma empresa especializada nessa demanda e que trabalhe com produtos de qualidade. Desse modo, você garantirá a segurança e a paz em seu condomínio.

Quer uma ajuda para promover ou otimizar o controle de acesso em seu condomínio? Então, entre em contato conosco para conhecer as mais modernas soluções em monitoramento para a segurança da sua família e do seu patrimônio!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *